CSN obtém autorização ambiental para funcionamento de usina em Volta Redonda

CSN obtém autorização ambiental para funcionamento de usina em Volta Redonda

Documento tem validade de 180 dias. Segundo a assessoria de imprensa, durante esse período a empresa buscará um consenso com órgãos ambientais sobre termos questionados pelo Inea.

Depois de ser notificada por órgãos ambientais, a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) obteve, na quinta-feira (7), uma autorização ambiental junto à Comissão Estadual de Controle Ambiental (Ceca), que libera o funcionamento da Usina Presidente Vargas, em Volta Redonda, RJ, por 180 dias.

Segundo a assessoria de imprensa da CSN, durante esse período, a empresa buscará um consenso com os órgãos ambientais sobre os itens previstos no Termo de Ajustamento de Conduta, cujo cumprimento foi questionado pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea).

A empresa afirma ter investido, desde 2010, mais de R$ 750 milhões em obras de conformidade ambiental na Usina Presidente Vargas, o que reforça seu compromisso com o Meio Ambiente e com a Sociedade em geral.


Créditos: G1

Compartilhe na Rede!

Deixe seu comentário!

Nos ajude a manter uma comunidade saudável e vibrante ao reportar qualquer comportamento ilegal ou inapropriado. Denuncie Aqui!